As nossas distrações nos revelam aquilo que estamos PRESOS

Dias atrás, li essa frase: “As nossas distrações nos revelam aquilo que estamos presos”, e percebi o quanto ela faz sentido. Ainda mais nos dias de hoje, onde tantas informações em alta velocidade são passadas. Quantos apelos áudio visuais estamos sujeitos e é impossível não sermos “engolidos” por esses atrativos.

Não são poucas vezes em que estamos fazendo algo, mas quando paramos para notar, já estamos pensando nas contas do mês, no namorado, no edital que ainda não saiu, em alguém que te decepcionou, nos últimos stories dos famosos, no que as “migas” estão combinando, no problema da família, na... Leia mais »


“Quase”

Texto “quase”, de  Luis Fernando Veríssimo.

Ainda pior que a convicção do não e a incerteza do talvez é a desilusão de um quase. É o quase que me incomoda, que me entristece, que me mata trazendo tudo que poderia ter sido e não foi.
Quem quase ganhou ainda joga, quem quase passou ainda estuda, quem quase morreu está vivo, quem quase amou não amou. Basta pensar nas oportunidades que escaparam pelos dedos, nas chances que se perdem por medo, nas idéias que nunca sairão do papel por essa maldita mania de viver no outono.
Pergunto-me, às vezes,... Leia mais »


O crescimento no mercado de trabalho do “Home Office”

Trabalhar em casa, ou vez ou outra de casa, já é o sonho de muita gente. Trânsito, falta de flexibilidade, família e projetos paralelos são alguns dos motivos que levam até à decisão do home office. E além de ser uma tendência mundial, dá ares de ser uma realidade de boa parte dos trabalhadores. O interesse e a necessidade, muitas vezes, aumentam para essa realidade, ainda mais entre a geração Y e Z, ambas com mais facilidade para desenvolver trabalhos de lugares remotos e mexer com tecnologias diversas.

Há alguns cuidados que devem ser tomados como... Leia mais »


A geração Y e sua influência nos meios de comunicação

No mercado de trabalho, essa geração interage e troca conhecimentos. Lida de outra maneira com seus superiores e colegas de trabalho. Em equipe se ajudam e possuem muita criatividade e liberdade para expor suas ideias. Para gestores, supervisores e pessoas que estão hierarquicamente acima dos cargos de alguém da geração Y – e que também não faça parte dessa geração, porque muitos já se destacam como líderes de equipe – é interessante que esteja sempre próximo, humano e receptivo.

Muitas empresas, inclusive, passaram por reestruturação para se adequar às novas necessidades com seus colaboradores mais jovens. É normal que... Leia mais »


Os 10 pontos importantes de uma marca

A marca é um produto. Construa uma, fortaleça sua imagem e se for viável, venda-a.

Torne a marca conhecida. Use as várias ferramentas disponíveis para que cada vez mais consumidores/clientes conheça-a.

Persista. Há um longo caminho até que a marca se torne conhecida e fortalecida no mercado.

Posicionamento é essencial. Defina o segmento da empresa/marca e trabalhe em cima disso.

Agregue valor à sua marca/produto e deixe isso claro ao consumidor para que ele saiba o quanto vale aquilo que ele adquiriu.

A integridade também é fundamental. Antes de tudo deve haver qualidade e fazer jus àquilo que ela representa.

... Leia mais »

Promoção, propagação e personalização

Na promoção: a comunicação é baseada na meta de divulgação da marca/empresa. Essas iniciativas vão gerar as vendas e a propagação.

Propagação: ela depende do usuário/consumidor/público-alvo. Mensagens que viralizam, vídeos, opiniões. Isso tudo vai ser reproduzido para os amigos dos amigos nas redes e ganhará grandes dimensões, seja para o bom, quanto para o ruim.

Personalização:  é aquela estratégia do marketing usada para a fidelização dos clientes e para poder consolidar esse relacionamento com qualidade. Usada para manter uma base sólida com os clientes já conhecidos.


Como funciona o “Inbound Marketing”?

Em nossas primeiras reuniões de consultoria, uma das presentes perguntas sempre é – Como funciona o Inbound Marketing?

Para responder como funciona o Inbound marketing precisamos de um diagnóstico da empresa, do mercado e do produto a ser trabalhado. Avaliamos também como está posicionada o conceito e características da marca. Com todos esses dados coletados, vamos montar o plano estratégico.

Estamos numa época de conteúdos relevantes. Isto é: não é qualquer coisa que está descendo “goela abaixo” do público. A pessoas se tornaram mais questionadordas, independentes, autodidatas e exigentes nos dias atuais. E a internet ajudou e muito para esses... Leia mais »


Planejamento, produção e publicação

No planejamento: as estratégias de marketing são feitas para alcançar objetivos diversos que podem ser, branding, vendas, fidelização e ativação. Para isso é necessário a pesquisa, que no marketing digital é diferente do modo tradicional.  Hábitos de busca e navegação já podem moldar o perfil do consumidor.

Na produção: para a empresa/marca atingir seus objetivos ela precisa do desenvolvimento de produtos e serviços e dar formas as estratégias.

Na publicação: distribuir os conteúdos, materiais e tudo o que é produzido é fundamental para a divulgação. Websites, redes, mídias sociais e outras plataformas vão elevar a um bom nível o alcance... Leia mais »


A importância do posicionamento da marca

Esse compromisso de posicionamento da marca é assumido pela organização e por seus colaboradores.

Nos tempos atuais, as empresas sabem que é necessário um bom relacionamento com vários tipos de públicos, inclusive, e talvez principalmente, o interno. E isso: identifica os objetivos fundamentais de comunicação de uma empresa; define as impressões que quer construir perante os públicos e com o tempo tenha um propósito que a sustente; vai determinar as bases do modo como a marca quer ser percebida pelos públicos-alvo; oferece caminhos para as criações (propaganda, design) e dá vazão à criatividade.

Mas não existem receitas. Cada um tem... Leia mais »